evão do caminhão

nos momentos cruciais... estacione seus neurônios e acelere seus hormônios

quarta-feira, novembro 03, 2010

TRABALHEI DURO, TENTEI TRANSFORMAR A TERÇA EM QUARTA

Antes de ir trabalhar estava lendo uma reportagem na folha equilíbrio sobre a doença chamada BURN OUT. Tipo "QUEIMOU... COMBUSTÃO COMPLETA". Lembrei de mim, da Tata, das outras moscas e de tantos mais...

"A doença é gerada pela percepção de que o esforço colocado no trabalho é superior à recompensa."

"É a doença dos idealistas. "

"É um desalento profundo, ataca pessoas dedicadas demais ao trabalho, que descobrem que nada daquilo pelo que se dedicaram valeu a pena."

"É um estado emocional em que a pessoa não sente mais vontade de produzir."

"Quem apresenta exaustão emocional, não se envolve mais com o que faz e reduz as ambições pode estar sofrendo do transtorno."

"Médicos, professores e policiais são grupos de risco."

"A medicação só combate os sintomas. A pessoa precisa reavaliar o papel do trabalho em sua vida, aprender a dizer não quando não tem condições de executar algo e reconhecer o próprio valor, mesmo que os outros não façam."

Eis que respirei fundo e fui trabalhar. Chegando na Portelinha...

1. Entreguei a nota fiscal da oficina comprovando que estive realmente com o carro quebrado semana passada quando precisei faltar, pois minha palavra não valeu nada apesar dos 7 anos trabalhados na mesma escola.

2. Vejo uma professora entrando desesperada, pois foi assaltada na entrada da escola. Três adolescentes armados invadiram o carro dela e levaram tudo, inclusive a dignidade. 'Sorte' que o pai de um dos alunos foi atrás e voltou com a bolsa completa. As pessoas acordadas na rua ficaram indignadas com a falta de respeito com o contrato: NÃO SE MEXE COM PROFESSORA.

Bom, acho que ainda temos alguns anjos da guarda.

A vida é bem mais complicada fora do papel e dos discursos políticos que nos consumiram esses últimos meses. A realidade é mais cruel e bate na nossa cara com dedos bem abertos, ou algumas vezes com o cano de uma arma.

Marcadores: ,

3 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home