evão do caminhão

nos momentos cruciais... estacione seus neurônios e acelere seus hormônios

sexta-feira, abril 21, 2006

SE A MORTE É DESCANSO, PREFIRO VIVER CANSADO

.
.

Na minha rua vivia uma velhinha. Seu nome era Maria. Não era sua neta mas a chamava de Vó Maria.

Ela era benzedeira. Nunca consegui entender como com um prato de água com gotas de óleo e uma pitada de sal ela curava minha ziquizira desde que nasci. Tudo bem que depois ela passava a tarde toda deitada passando mal. Ela nem ligava, pelo menos tinha tirado as coisas ruins de mim.

Ela inspirou minha melhor redação na 5ª série. Depois de formada voltei ao colégio e o professor de história perguntou: e a vó maria, tá boa?

Ela fazia bolinhos de chuva, mesmo com sol se seus "netos" pedissem. A varanda da sua casa era a mais legal pra brincar.

Um dia disse pra minha mãe: vó maria é tão legal, pena que ela tem umas pernas tão pretinhas. Ela não tirava suas meias escuras de lã e eu achava que era doença.

Ontem ela morreu. E junto com ela foi parte da minha história. E o segredo de benzer... que eu queria q ela tivesse me passado.

.

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home