evão do caminhão

nos momentos cruciais... estacione seus neurônios e acelere seus hormônios

quinta-feira, maio 29, 2008

NERVOSO COMO A CALMA DO MAR


O dia de hoje celebra 3 anos do meu pedido de namoro pro japa e só uma palavra me veio à cabeça quando pensei num tema pra este post comemorativo: CALMA.


No início escrevia por aqui que ele tinha paciência oriental, mas depois de vê-lo nervoso tantas vezes percebi que o negócio não era bem esse, ele só possuía as características de um bom virginiano mantendo as coisas tranqüilas.

A calma a que me refiro é a minha. NÃO! Não pensem que me tornei menos ansiosa e aflita. Também não venham com aquele jargão de que quem namora sempre acalma.

O que quero de fato dizer é que com meu japito consigo manter a mente em ordem para viver de forma racional (pero sin perder la emoción jamás). Em sua companhia me sinto em paz. E na verdade acho que é esse o segredo para se viver bem. Saber parar naqueles acessos furiosos de tpm, ciúme, insegurança... e saber que ele está ali, sereno, colocando sua mão na minha cabeça e dizendo: calma, estou aqui!

Com ele aprendi até a dormir e aproveitar sossegadamente as manhãs de domingo.

E também talvez seja essa a receita para estarmos tanto tempo juntos. Nada de promessas de amor eterno, de fazermos todas as loucuras de uma desvairada paixão, mas a calma de vivermos um dia de cada vez.

Confesso que uma coisa me faria perder totalmente a calma hoje: perdê-lo.

It's undeniable
That we should be together
It's unbelievable
How I used to say
That I'd fall never
The basis you need to know
If you don't know
Just how I feel
Then let me show you
Now that I'm for real
If all things in time
Time will reveal

One
You're like a dream come true
Two
Just wanna be with you
Three
Iit's plain to see
That you're the only one for me
And four
Repeat steps One, two, three
Five
Make you fall
In love with me
If ever I believe
My work is done
Then I start
Back at one


So incredible
The way things work
Themselves out
And all emotional
Once you know
That it's all about babe
And undesirable
For us to be apart
Never would of made
It very far
Cause you know
You've got the keys
To my heart

Say farewell
To the dark night
I see the coming of the sun
I feel like a little child
Whose life has just begun
You came
And breathed new life
Into this
Lonely heart of mine
You threw out
The life line
Just in the nick of time

2 Comments:

  • At 12:20 AM, Blogger ClaudioYidaJr said…

    Ai, chorei. De alegria e de amor, como sempre, por sua causa.

    E adorei a músiga!

    Amo-te sem saber a grandeza, de tão grande que é.

     
  • At 8:50 AM, Blogger Taís said…

    como vc tá romântica!

     

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home