evão do caminhão

nos momentos cruciais... estacione seus neurônios e acelere seus hormônios

terça-feira, novembro 19, 2013

O ACASO VAI ME PROTEGER ENQUANTO EU ANDAR DISTRAÍDA

"Às vezes acredito em mim, mas às vezes não
Às vezes tiro o meu destino da minha mão
Talvez eu corte o cabelo
Talvez eu fique feliz
Talvez eu perca a cabeça
Talvez esqueça e cresça

Talvez precise de colchão, talvez baste o chão
Talvez no vigésimo andar, talvez no porão
Talvez eu mate o que fui
Talvez imite o que sou
Talvez eu tema o que vem..."

- Arnaldo Antunes -



"Sigo estradas, sigo pistas pra me achar
Sempre parto antes que comece a gostar
De ser igual, qualquer um
Me sentir mais uma peça no final

Pelas minhas trilhas, você perde a direção
Não há placa nem pessoas informando aonde vão
Penso outra vez estou sem meus amigos
E retomo a porta aberta dos perigos

Na verdade continuo sob a mesma condição
Distraindo a verdade, enganando o coração."

- Pato Fu -


"Eu não caibo mais nas roupas que eu cabia
Eu não encho mais a casa de alegria
Os anos se passaram enquanto eu dormia
E quem eu queria bem me esquecia

Será que eu falei o que ninguém ouvia?
Será que eu escutei o que ninguém dizia?

Eu não vou me adaptar!"

- Nando Reis -


TRINTA E SEIS, CARALHO! NOVOS VENTOS ESTÃO SOPRANDO NA JANELA...



0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home